terça-feira, 16 de outubro de 2007

( Se tem para quem dizê-las...toma estas frases de Neruda p tí..)
*Nega-me o pão, o ar,a luz, a primavera,mas nunca o teu riso,porque então morreria.
*Te amo sem saber como, nem quando, nem de onde, te amo diretamente, sem problemas nem orgulho: assim te amo porque não sei amar de outra maneira..
*Saudade é sentir que existe o que não existe mais...
*Não quero dormir sem teus olhos.Não quero ser, sem que me olhes.Abro mão da Primavera, pra que continues me olhando...
*Mas se amo os teus pés. É só porque andaram Sobre a terra e sobre o vento e sobre a água, Até me encontrarem.
*... e desde então sou, porque tu és; e desde então, és, sou e somos, e por amor serei, serás, seremos..
* amo-te assim porque não sei amar de outra maneira, a não ser deste modo em que nem eu sou nem tu és...
*Perto de ti é perto de mim e longe de tudo é sua ausência.
*"Porque en noches como ésta la tuve entre mis brazos, mi alma no se contenta con haberla perdido."
*..Gosto quando te calas porque estás como ausente e me escutas de longe; minha voz não te toca. É como se tivessem esses teus olhos voado, como se houvesse um beijo lacrado a tua boca...
*Do fundo de ti, e ajoelhada, uma criança triste, como eu, nos olha.
*Quero fazer contigo o que a primavera faz com as cerejas...
*É tão curto o amor e tão longo o esquecimento."
* Para meu coração basta teu peitopara tua liberdade bastam minhas asas.Desde minha boca chegará até o céuo que estava dormindo sobre tua alma.

Um comentário:

florzinha disse...

Não sei o que a primavera faz com as cerejas, mas deve ser algo bom...rsrsrsrsr. Vindo de Neruda não tem como ser ruim!!!
Tomei algumas destas para mim sim...
bj